Quando começar a educação financeira do meu filho pequeno?

O quanto mais cedo, melhor!

A função dos pais no mundo de hoje é preparar seus filhos para serem responsáveis por suas vidas e seu próprio sustento na idade adulta. Neste sentido a coisa mais importante que você deve dar a ele é educação, e principalmente educação financeira. Os filhos tendem a reproduzir o mesmo modo como os pais lidam com dinheiro, então é importante você incentivá-lo a poupar e dar o exemplo desde cedo.

Com 4 ou 5 anos as crianças já tem capacidade cognitiva e começam a aprender a fazer pequenas contas de somar e subtrair. Quando ela quizer um brinquedo novo, que tal aproveitar este momento para ajudá-la a aprender a poupar? Ao invés de dar a ela o brinquedo, dê um cofrinho, pode ser um porquinho, uma casinha, ou qualquer outro formato, mas traga a forma lúdica para tornar a brincadeira mais gostosa para ela.

Então passe a dar um pequeno valor em dinheiro com alguma regularidade para ela depositar no cofrinho. Por exemplo, se o brinquedo que ela gostaria de comprar custa R$50,00 reais, dê a ela R$1,00 por dia, e em 50 dias ela poderá comprar o brinquedo. Se preferir pode ser um valor X por semana, em um dia específico, mas é importante respeitar o dia da semana, para manter a rotina e ajudá-la a perceber a importância da disciplina e da honestidade da sua palavra, assim você cria também um elo de confiança com ela, o que ajuda no desenvolvimento da auto-estima dela. Este exercício irá ensinar a criança a dar valor ao dinheiro, a compreender o mecanismo da poupança e a aprender a deixar de consumir hoje para consumir no futuro.

Para crianças maiores é possível incrementar o exercício fazendo o pagamento periódico de “juros”: ao final do mês, se ela conseguir guardar R$50,00, você pode pagar R$5,00 a título de juros, assim ela irá aprender o poder dos juros, que farão a poupança dela render. Desta forma fica mais gostoso guardar o dinheiro, porque ela irá aprender que quanto mais dinheiro ela guardar, mais dinheiro ela ganhará! Estabeleça metas para que ela saiba previamente o benefício que a espera no futuro, por exemplo, para cada R$10,00 que ela guardar por mês, ela pode ganhar R$1,00 a título de juros. É importante trabalhar com números inteiros, para facilitar a conta e a compreensão da criança, afinal o objetivo aqui é educá-la e prepará-la para o futuro!

Porquinho

Sobre Lavínia Martins, CFP®

Planejadora Financeira, autora e palestrante sobre Finanças Pessoais, possui a Certificação CFP® desde 2010, é ex-sócia da FinPlan Consultoria e Gestão Financeira, possui 12 anos de experiência no mercado financeiro, atuando com planejamento financeiro pessoal e gestão patrimonial, e 3 anos em finanças corporativas de multinacionais como Louis Dreyfus Commodities e Rohm and Haas Química (hoje parte do grupo Dow Química). Especialista em Gestão de Patrimônio Familiar pela Columbia University, com pós-graduação em Finanças pelo IBMEC-São Paulo/Insper e graduação em Administração de Empresas pela PUC-SP.
Galeria | Esse post foi publicado em 1. Planejamento Financeiro, 4. Educação Infantil e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s